Ads Top

DIA DE SÃO JORGE: 23 DE ABRIL

FOTO/ REPRODUÇÃO Site Nossa Família
No século III existia um menino chamado Jorge de Anicilim, que nasceu na antiga Capadócia.

Algumas pessoas, ao seu redor, diziam que ele tinha poderes sobrenaturais.

Ainda criança, este menino vivia sonhando que estava montado num cavalo branco matando um Dragão, que representava o mal. Assim ele se converteu ao cristianismo ainda garoto.

Jorge cresceu e virou um rapaz. Após a morte de seu pai, ele se mudou com sua mãe para a Palestina. Então, para sobreviver entrou no serviço militar romano.

O problema era que o imperador, Deocleciano, perseguia os cristãos.

Uma vez, Jorge defendeu Cristo em praça pública e a partir daquele dia passou a ser perseguido. Assim, foi preso e degolado na Palestina no dia 23 de abril de 303 depois de Cristo.

Reza lenda que na mesma noite em que Jorge morreu, pessoas viram na Lua a figura do militar matando um dragão. O mito também diz que sua espada caiu do céu, se multiplicou e ao entrar na Terra se transformou em mudas da planta chamada espada-de-São-Jorge.

O culto a este santo chegou ao Brasil ainda na época do Brasil-Colônia.

Além do Catolicismo, ele também é venerado na Umbanda, Candomblé e em algumas seitas místicas. 

Nesta data, algumas igrejas católicas vendem o famoso bolo de São Jorge. Diz a lenda que o fiel que encontrar a medalha do santo dentro do bolo estará protegido contra a inveja.

No Rio de Janeiro, o dia de São Jorge é feriado.

Vários artistas fizeram e interpretaram músicas em homenagem a este santo, como exemplos: Caetano Veloso, Jorge Ben Jor, Djavan e Fernanda Abreu.

A escritora Glória Perez fez até uma novela em que este santo é homenageado, o título da obra é: Salve, Jorge.


São Jorge faz parte da cultura e, por isto, pessoas precisam conhecer a sua história.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.