ads top

TAYLOR SWIFT DEFENDE A IGUALDADE DE GÊNERO EM CARTA ABERTA NO INSTAGRAM

“TEMOS MUITO O QUE CELEBRAR, MAS TAMBÉM TEMOS UM LONGO CAMINHO A PERCORRER ATÉ QUE TODAS AS PESSOAS DESSE PAÍS SEJAM TRATADAS IGUALMENTE”, ESCREVEU TAYLOR

FOTO/ REPRODUÇÃO DIVULGAÇÃO
Foi neste 1° de junho (sábado) que a cantora Taylor Swift publicou uma carta aberta em sua conta no instagram, endereçada ao Senador Lamar Alexander. Em carta a cantora pede urgência na aprovação da lei que permite no papel a igualdade de direitos e outras garantias para os LGBT.

Enquanto temos muito o que celebrar, ainda temos muito o que percorrer antes que todos neste país realmente sejam tratados com igualdade. Na mais recente excelente notícia, a Câmara dos Representantes dos Estados Unidos aprovou o ‘Equality Act’ que irá proteger as pessoas LGBT de discriminação em seus espaços de trabalho, casas, escolas e outras acomodações públicas. O próximo passo é que o projeto vá para o Senado. Eu decidi começar o Mês do Orgulho LGBT enviando uma carta a um dos meus senadores para explicar o quão importante é que a ‘Equality Act’ seja aprovada.”, escreve Taylor Swift.





🌈HAPPY PRIDE MONTH!!!🌈 While we have so much to celebrate, we also have a great distance to go before everyone in this country is truly treated equally. In excellent recent news, the House has passed the Equality Act, which would protect LGBTQ people from discrimination in their places of work, homes, schools, and other public accommodations. The next step is that the bill will go before the Senate. I’ve decided to kick off Pride Month by writing a letter to one of my senators to explain how strongly I feel that the Equality Act should be passed. I urge you to write to your senators too. I’ll be looking for your letters by searching the hashtag #lettertomysenator. While there’s no information yet as to when the Equality Act will go before the Senate for a vote, we do know this: Politicians need votes to stay in office. Votes come from the people. Pressure from massive amounts of people is a major way to push politicians towards positive change. That’s why I’ve created a petition at change.org to urge the Senate to support the Equality Act. Our country’s lack of protection for its own citizens ensures that LGBTQ people must live in fear that their lives could be turned upside down by an employer or landlord who is homophobic or transphobic. The fact that, legally, some people are completely at the mercy of the hatred and bigotry of others is disgusting and unacceptable. Let’s show our pride by demanding that, on a national level, our laws truly treat all of our citizens equally. 🌈🌈🌈🌈🌈🌈🌈🌈🌈🌈🌈🌈🌈 Click the link in my bio to sign the petition for Senate support of the Equality Act.
Uma publicação compartilhada por Taylor Swift (@taylorswift) em

Taylor ainda celebra os 100 anos após a mudança na legislação ao aprovarem o voto de qualquer pessoa independente do sexo. “Eu sei que há aqueles que dizem que isso vai de encontro à sua liberdade de religião, mas há centenas de líderes da fé no Tennessee que recentemente (e vocalmente) discordam e verbalizaram defender a comunidade LGBTQ”, escreveu a cantora e continua em seu texto. “Eu pessoalmente discordo com a posição do Presidente que sua administração ‘apoia o tratamento igualitário’, mas que a ‘Equality Act’ ‘em seu formato atual é recheada de pílulas de veneno que ameaçam minar direitos dos pais e da consciência’. Não. Não se pode tomar a posição de que se apoia uma comunidade ao mesmo tempo e no próximo suspiro a condena como algo contra a ‘consciência’ ou os ‘direitos dos pais’. Esse pensamento implica que já algo moralmente errado em não ser heterossexual ou gênero cis, o que é uma mensagem dolorida para enviar à nação cheia de famílias saudáveis formadas por pessoas do mesmo sexo, não binárias ou transgêneros pais, filhos ou filhas”.

O texto celebra, nas redes sociais da cantora, o início do Mês do Orgulho LGBTQ+, que teve inicio em 1969, quando gays se reuniram para lutar contra a violência policial que muitos homossexuais sofriam nos Estados Unidos. E pode ser lido em sua conta oficial no instagram.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.