ÚLTIMAS POSTADAS

“QUASE UM CLICHÊ” AINDA É UM CLICHÊ MUITO GOSTOSO DE LER


Sinopse: Maria Luiza ou Malu, é uma adolescente qualquer que vive em um bairro qualquer e estuda em um colégio como todos os outros. Ela tem apenas dois melhores amigos: Davi, que é o seu fiel escudeiro, além de conselheiro nas horas vagas e professor de física nos dias antes da prova e Camila, craque em vídeo game, tem sempre razão e é super sincera, mesmo que isso magoe os outros.
A garota acabou de começar o segundo ano do ensino médio e já não vê a hora de terminar toda essa "palhaçada".
Mesmo que não fale com quase ninguém da sua turma Malu vive passando por momentos constrangedores, principalmente na frente da líder de sala Vanessa. E em um infortunado dia, Luiza esquece seu caderninho de poemas na sala, mas quando volta para pegá-lo vê Vanessa com ele na mão, envergonhada de admitir que todas aquelas rimas melosas e românticas são suas, Malu implora a Davi para pegar o caderno, mesmo que precise recitar um dos seus poemas pra ele (amigo é pra essas coisas né?) para que o menino convença Vanessa.
Por uma infelicidade Vanessa acaba se aproximando de Davi, dizendo que ele é um ótimo escritor, o garoto, que já tinha uma quedinha pela morena acaba arrastando Malu em um mar de mentiras para conquistar a menina.
Tudo bem; ajudar o melhor amigo não é um problema, o problema é a garota. De tantas garotas no colégio todo! Por que justo a menina de cabelos cacheados e covinhas que por "coincidência" é também a "inimiga mortal" de Luiza? E agora? Como Malu vai sair dessa?
Ano: 2019
Plataforma: Wattpad

Mas talvez, só talvez eu estivesse mesmo tendo o meu novo e perfeito momento clichê. Beijando a menina que eu gosto, dentro de um ônibus durante uma curva exagerada pra esquerda.
Maria Luiza, ou Malu para os mais íntimos, é uma típica garota comum de apenas 16 anos que vive se metendo em confusão na escola e pagando alguns micos com os amigos (mas quem nunca pagou mico que atire a primeira pedra, né gente!?). A adolescente possui alguns segredos, como por exemplo ser apaixonada por romances (daqueles bem clichês) e ser uma poetisa nata com poemas bem água-com-açúcar. Além do gosto incomum por flamingos a menina anda de skate e ama ouvir música em seu MP4 (sim! Isso ainda existe). Mas o que ela não esconde de ninguém é que odeia Vanessa Ferreira, a líder da turma.

Vanessa Ferreira é a garota clichê perfeita de todos os seus filmes favoritos de romance. Dona de um sorriso de covinhas, de uma postura doce e meiga a garota irrita muito Malu, isso porque a maior cometeu o crime de fazer Bullying quando a menor era mais nova.

Mostrar o que eu tinha escrito era contra todos os meus princípios – que consistiam basicamente em nunca contar pra qualquer outro ser humano que eu escrevia poesias -, mas eu precisava ter certeza que não estava cometendo um grande erro.
Dois mundos improváveis parecem dispostos a se chocarem quando Malu esquece seu caderno azul de poemas românticos na sala de aula. E quem o encontra? Exatamente em que estamos pensando: Vanessa Ferreira. Com vergonha e medo de passar a sofrer Bullying novamente Maria Luiza pede um favor ao seu melhor amigo, Davi: que ele pegue o caderno com Vanessa e que o mesmo (por desencargo de consciência) acabe admitindo que ele é o autor dos poemas.

A mentira passa a virar uma bola de neve do tamanho do mundo e Maria Luiza passa a se enxergar em uma encruzilhada. Davi, por ter uma quedinha em Vanessa, acaba entrando mais e mais com o plano, mas o mundo sempre dá suas voltas e reviravoltas e Maria Luiza precisará tomar uma decisão que pode mudar muito o rumo e fazê-la descobrir coisas maravilhosas sobre si mesma.

Uma comédia romântica, adolescente, impecável ainda em andamento na plataforma que tanto amo: Wattpad. Por enquanto temos 38 capítulos e mais atualizações a frente.

Eu ainda lembro da primeira poesia que eu li, ainda lembro da sensação estranha no meu estômago e da admiração por cada verso, cada estrofe.
A ideia é escrever sobre descobertas e a autora Drielle Eloi faz isso de uma forma tão gostosa e engraçada, que a leitura se torna muito cativante, divertida e leve (dá para perceber que entrei na onda de “só mais um capítulo”).

Algumas vezes é possível se irritar com as atitudes e reclamações de Malu, mas demos um desconto aí, nós também já tivemos 16 anos e simplesmente achávamos que já sabíamos tudo e éramos donos do mundo. O que se descobre ser mentira, mais tarde. A menina de início demonstrar estar em cima do muro a respeito sobre tomar algumas decisões, o que acarreta em consequências inevitáveis. É claro que com o desenrolar do enredo vemos aí como a garota vai amadurecendo e pensando diferente da sua tão acostumada bolha em que vive.

O livro é repleto de representatividade, então se caso isso seja um incomodo para o leitor, é indicado que não se inicie a leitura do mesmo. Estamos falando das descobertas da adolescência e em como isso influência a nós mesmos.

Eu só tenho a dizer que achei essa maravilha dos sete reinos por acaso e simplesmente não quero largar mais. Ps.: caso a autora tenha interesse em publicar o livro fisicamente saiba que está aprovado e já pode ir pensando nisso.

O amor é uma coisa realmente estranha e o fato de eu só ter percebido isso agora é lamentável.

Nenhum comentário