OPINIÃO

POLÊMICAS E PIADAS E MUITOS PRÊMIOS NO GLOBO DE OURO 2020


Foi no domingo (5) que aconteceu a 77º edição do Globo de Ouro, em Los Angeles. Promovida pela Associação da Imprensa Estrangeira em Hollywood (HFPA) a disputa deu largada aos melhores do ano de 2019.

O apresentador da vez, ou melhor, pela quinta vez, foi ninguém mais e ninguém menos que Ricky Gervais, que gerou polêmica ao fazer piadas durante a premiação, recebendo criticas pelo seu monólogo de abertura. “Vocês dizem que acordaram, mas as empresas para as quais trabalha são a Apple, Amazon, Disney; se o estado Islâmico começar um serviço de streaming, todos vocês iram ligar correndo para seus agentes... Vocês não estão em posição de ficar dando palestra pro público sobre qualquer coisa”, Gervais em seu discurso.

Elenco de "1917" foi premiado na categoria melhor filme IMAGEM/ REPRODUÇÃO Paul Drinkwater/NBC via AP
Deixando de lado as polêmicas e as piadas, a premiação garantiu o Globo de Ouro para muita gente boa. No cinema na categoria de melhor filme drama ficou para o longa “1917", já em melhor filme musical ou comédia a premiação ficou para “Era uma Vez em... Hollywood”.

Como melhor diretor Sam Mendes ganhou, responsável pelo longa “1917”. Para melhor atriz de filme drama Renée Zellweger levou a estatueta por sua atuação em “Judy – Muito Além do Arco-Iris”. Com era de se esperar, na categoria de melhor ator de filme drama Joaquin Phoenix levou o Globo de Ouro por sua impecável transformação ao interpretar “Coringa”. “Vocês sabem que não existe competição entre a gente, porque aprendemos uns com os outros", comentou o ator.

Joaquin Phoenix recebe o Globo de Ouro por melhor ator em drama na atuação em "Coringa" IMAGEM/ REPRODUÇÃO Paul Drinkwater/ NBC via AP
Para melhor atriz em filme comédia ou musical Awkwafina levou o prêmio por sua atuação em “The Farewell”. Na categoria para melhor ator em filme musical e comédia não poderia ficar de fora Taron Egerton ao interpretar, cantar e dançar Elton John no longa “Rocketman”. Em melhor atriz coadjuvante Laura Dern levou o prêmio por sua personagem em “História de um Casamento”. E para melhor ator coadjuvante foi Brad Pitt que ganhou com o longa “Era uma Vez em... Hollywood”.

Em melhor animação “Link Perdido” foi quem levou essa. Para melhor canção original o Globo de Ouro ficou para “(I’m Gonna) Love Me Again” para o musical “Rocketman”. Em melhor trilha sonora original para filmes Hildur Gudnadottir levou a estatueta para filme “Coringa”. Em melhor roteiro Quentin Tarantino ganhou com “Era uma Vez em... Hollywood”. Para melhor filme estrangeiro “Parasita” levou o prêmio.

Taron Egerton recebe premiação como melhor ator em filme musical ou comédia por "Rocketman" IMAGEM/ REPRODUÇÃO Paul Drinkwater/ NBC via AP
E claro que não termina por aí porque para melhor série de TV nós tivemos aí “Succession”, “Fleabag” e “Chernobyl” que levaram as estatuetas para casa por suas produções e pelas impecáveis atuações.

Para quem assistiu o Globo de Ouro o que acharam? Concordam com as escolhas feitas? Fala ai pra gente!

0 COMENTÁRIOS:

Postar um comentário

My Instagram